ergonomia

A Ergonomia é um conjunto de conhecimentos de várias disciplinas aplicados na organização da atividade laboral e nos elementos que compõem o posto de trabalho, com o objetivo de estabelecer um ambiente seguro, saudável e confortável, prevenindo agravos à saúde e contribuindo para a eficiência produtiva.

A ergonomia pode ser dividida em três domínios de especialização:

Ergonomia Física: lida com às características da anatomia humana, antropometria, fisiologia e biomecânica em sua relação as atividades e cargas físicas. Tópicos relevantes incluem manipulação de materiais, arranjo físico dos postos de trabalho, distúrbios músculo-esqueléticos relacionados com o trabalho e fatores tais como repetição, vibração, força e postura estática.

Ergonomia Cognitiva: refere-se aos processos mentais, tais como percepção, atenção, raciocínio, controle motor, armazenamento e recuperação de memória, como eles afetam as interações entre seres humanos e outros elementos de um sistema. Realiza-se o estudo da carga mental de trabalho, vigilância, tomada de decisão, desempenho de habilidades, interação humano-computador, estresse e treinamentos.

Ergonomia Organizacional: relaciona-se com a otimização dos sistemas socio-técnicos, incluindo sua estrutura organizacional, políticas e processos. Estuda-se a comunicação, o trabalho em turnos, programação de trabalho, satisfação no trabalho, cultura organizacional, trabalho em equipe, trabalho à distância, ética e gestões organizacionais.

qualidade de vida

É quase consenso que as empresas estejam cada vez mais apostando em modelos de gestão voltados para as pessoas, tentando tornar-se as empresas mais humanizadas, motivo pelo qual o seu capital intelectual tem sido valorizado como um dos ativos mais importantes e as mais variadas ações implantadas têm propiciado um melhor bem-estar e satisfação dos empregados, o que, consequentemente, tem promovido também um aumento na qualidade de vida articulada com o trabalho.

Em um mundo onde cada vez mais o estresse tem estado cada vez mais presente no ambiente laboral, é importante que as empresas realizem programas voltados à saúde e a qualidade de vida no trabalho para seus colaboradores.

A Qualidade de Vida no Trabalho é um conjunto de ações de uma empresa que envolve diagnóstico e implantação de melhorias e inovações gerenciais, tecnológicas e estruturais, dentro e fora do ambiente de trabalho, visando propiciar condições plenas de desenvolvimento humano na realização do seu ofício (ALBUQUERQUE; FRANÇA, 1998: 41).

Benefícios

Investir em ergonomia e saúde no trabalho torna a empresa mais saudável, competitiva e produtiva. Conheça mais alguns benefícios:

Aumento da motivação e comprometimento dos funcionários

O trabalho se torna mais fácil e menos cansativo, melhorando o bem-estar do trabalhador e consequentemente sua satisfação. A ergonomia também melhora o relacionamento interpessoal, a comunicação e estimula o aparecimento de potenciais lideres de setor.

Redução da fadiga

A redução da fadiga (física ou mental) se dá através da implantação de pausas programadas, da quebra de rotina com a implementação de programas e outras adequações realizadas através de análises e observações do posto de trabalho.

Maior produtividade

Através das melhorias ergonômicas nos postos de trabalho, proporcionando um ambiente confortável e seguro, os trabalhadores consequentemente se tornam mais produtivos e motivados.

Redução de afastamentos e absenteísmo

O absenteísmo é reduzido por consequência da diminuição das queixas de dor e desconforto musculoesquelético e da melhora das condições ergonômicas do trabalho. Além disso, é alto o custo para empresa substituir trabalhadores lesionados que faltam ao trabalho.

Diminuição do número de casos de LER-DORT

Lesões ligadas ao trabalho causam dor e desconforto aos colaboradores da empresa. Além disso, o custo para o tratamento e cura de lesões de funcionários está cada vez maior.

Reconhecimento dos funcionários de que a empresa investe na saúde no trabalho

A empresa que investe em programas de qualidade de vida no trabalho passa a ser melhor avaliada pela sociedade e principalmente pelos colaboradores da mesma.

Redução com custos de assistência médica e psicológica

O colaborador saudável é sinônimo de economia para a empresa, que reduzirá custos com assistência médica bem como substituição de pessoal.

Auditorias do Trabalho

Anteceda possíveis fiscalizações e realize um estudo detalhado dos posto de trabalho de sua empresa evitando assim multas e notificações.

Certificados e Normas Regulamentadoras

Obtenha maior visibilidade e credibilidade perante aos seus clientes deixando sua empresa apta às certificações e em conformidade com as normas regulamentadoras do trabalho (NR17).


clientes

newsletter

Assine o nosso informativo e receba novidades
no seu e-mail.

Fone: Claro (84) 9137-1700 | Tim (84) 9807-1746
© InVita - Todos os direitos reservados